sábado, 12 de dezembro de 2015

Estamos sempre a tempo de...

 
 
 
 


 

Escolhi este título porque a vida é feita de recomeços.
A imagem escolhida é uma das que vislumbro todos os dias
porque o mar é uma das minhas paixões.


Nele me refúgio, nas suas ondas deixo partir a minha dor
e a ele baixinho sussurro quem sou...

Acreditem que é sempre possível recomeçarmos!
É possível recomeçar sempre desde que queiramos
e acreditemos que somos capazes.
Se nos reencontrarmos dentro de nós tudo é possível.
Deus deu-nos esse poder.
Está em nós, no centro do nosso peito.
É irmos lá e acreditarmos: Eu sou capaz!


Vou, a partir de hoje viver uma nova vida, escrever algumas linhas,
do meu sentir, da minha dor, do meu amor pelas coisas e pelas pessoas.


Os amores perdidos, os amores reencontrados ou sonhados.

Não sei quem me vai ler, também escrevo isto para mim,
para me refugiar e afogar aqui sentimentos, versos e dores e alegrias.


Quero olhar-me nas minhas águas e ver alguém com sorriso nos lábios,
um olhar transparente e ter uma rosa nas mãos quando me encontrar...


Uma rosa vermelha com o ardor da paixão, a paixão pela Vida.

Resolvi dizer adeus à dor e recomeçar, sem ressentimentos, sem culpas.
Digo adeus ao passado e caminho em direcção ao futuro
com o vazio de felicidade a bater-me no peito!


Quero ir e nunca mais voltar, não posso parar, nem olhar para trás, o tempo
foge-me e vou fazer força para nada lembrar... nada pensar...
nem aquela parte de mim que foi mais magoada.



Quero esquecer e recomeçar, fazer da minha vida um pedaço de amor,
um pedaço de Amor Universal, mais do que dor...
Existem situações na minha vida que não têm reversão,
nem perdões porque não existem culpas.


Fiz um adeus sentido, um adeus amargo e hoje sinto-me
preparado para voltar a sonhar.


Cada dia será um novo amanhecer,
cada dia o Sol se recolhe para dar lugar à Lua.
Raramente se encontram mas amam-se
e quando se encontraram fazem desse dia algo inesquecível,
acontece o eclipse do Sol!
Algo belo e intenso!
É assim que quero para mim... algo de forte e estável!


É assim que eu quero viver cada dia,
fazer de cada momento um eclipse de amor e sonho!


Hoje é o primeiro dia deste recomeçar...
por isso recomeço hoje a viver de novo e início aqui uma linha de
pensamento em que as palavras serão de esperança... de amor...
e por vezes de dor disfarçadas com um sorriso!
É uma nova Vida que emerge em mim, uma vida de Amor, só de Amor.
É nisto que acredito.



José Pinto Cardoso
 
 



 
Enviar um comentário